Anemia e o público fitness

Doença é cada vez mais comum entre praticantes de atividades físicas e prejudica a oxigenação dos músculos durante exercícios.

frisch_blog

A prática regular de atividades físicas é essencial para manter a boa forma e a saúde em dia. Entretanto, muitos esquecem que, além da supervisão do preparador físico, é preciso também se atentar às condições de saúde como um todo. “Com a correria do dia a dia, nem sempre as pessoas conseguem equilibrar sua alimentação, e isso tem levado o público fitness a um quadro de anemia”, afirma Regina Biasoli, hematologista e coordenadora de análises clínicas do Laboratório Frischmann Aisengart.

Segundo a médica, esse diagnóstico é mais comum do que se imagina, sobretudo pela aposta em dietas “milagrosas” e extremamente restritivas, adotadas indiscriminadamente. “Se não for tratada, a anemia pode prejudicar as suas atividades cotidianas, principalmente aquelas que exigem mais esforço físico”, revela.

Alguns sintomas podem ser um alerta de que algo não está bem, como o cansaço progressivo, principalmente durante atividades físicas às quais a pessoa já está habituada, queda de cabelo, unhas quebradiças e até mesmo alteração de memória.

“A maioria das pessoas faz apenas um check-up cardíaco antes de iniciar a prática de atividades físicas regulares. Mas o correto seria também incluir exames de análises clínicas, como o hemograma, para analisar outros aspectos que podem prejudicar seu desempenho”, salienta a médica.

O tratamento costuma ser feito com a reposição do nutriente através de medicamentos, aliado com mudanças alimentares. Normalmente, em poucas semanas os sintomas começam a diminuir. Para evitar o desenvolvimento da anemia, alguns alimentos devem fazer parte do cardápio diário, entre eles verduras escuras, carnes, ovos, castanhas, grãos integrais ou enriquecidos.

 

Tags:, , , ,