Os oito benefícios da amizade para a sua saúde

A ciência comprova que uma amizade verdadeira pode influenciar na qualidade de vida e, assim, ter impactos profundos na melhora de sua saúde

Frischmann-diadoamigo-962x328px

As amizades podem ser construídas por acaso ou escolhidas a dedo, porém são esses amigos que te acompanham nos melhores ou piores momentos, estão presentes nos seus maiores desafios e servem de combustível para enfrentar a rotina.

Além de servir como alicerce no seu dia a dia, as amizades servem para quebrar barreiras de preconceito, não se importando com raça, gênero, nacionalidade e conectando as pessoas de todos os lugares do mundo. E toda essa reciprocidade de carinho, cuidado e respeito ajudam muito sua saúde física e mental.

Confira alguns benefícios do cultivo de um círculo de amigos:

Diminuição do risco de doenças
Segundo pesquisas realizadas pela Universidade de Chicago, nos Estados Unidos, manter uma amizade faz com que seu corpo fique mais imune a problemas de saúde. Os pesquisadores identificaram que as pessoas, que não possuem uma vida social ativa e são mais solitárias, têm tendência a se sentir mais indefesas, ter noite de sono ruins e sofrer de complicações como estresse e ansiedade.

Alcance da longevidade
Um dos maiores desejos do ser humano é ter uma vida longa e saudável, e mesmo sem você saber, seus amigos ajudam muito nesse alcance da longevidade.  Pesquisadores da Brigham Young University, nos EUA, fizeram um estudo e concluíram que pessoas sem interações sociais durante parte de sua vida têm impactos prejudiciais comparados aos de alcoólatras, obesos ou fumantes.

Aumento no seu otimismo
Os sentimentos bons como a felicidade são sempre contagiantes, foi o que comprovou o estudo das Universidade de Harvard e da Califórnia, nos EUA. Por isso, compartilhar momentos bons com outras pessoas acaba criando um efeito dominó de energias positivas, se seu amigo é otimista, a chance de você começar a se tornar mais feliz é muito maior.

Coração saudável
A amizade faz bem ao coração literalmente. Um estudo de dez anos da Universidade Columbia (EUA) mostrou que nossas emoções, principalmente quando estamos felizes em grupo, influenciam muitos nossos batimentos cardíacos, diminuindo a probabilidade de doenças cardíacas e infarto em até 22%.

Compartilhamento de sentimentos
Um mecanismo natural dos seres humanos é a vontade de dividir suas experiências, gostos, necessidades e sensações. Por isso, a criação de uma cumplicidade e uma confiança pode fazer com que esse compartilhamento de sentimentos de forma espontânea entre os amigos melhorem a saúde mental de todos, fazendo com que os problemas, inseguranças e desafios não fiquem acumulados, explica a psicologia Marina Vasconcellos.

Relações mais duradouras
A amizade não está limitada apenas a vínculos platônicos, mas ela dentro das relações amorosas é o grande segredo de uma relação estável, duradoura e saudável. Se o casal é amigo; a união, a confiança e a cumplicidade se tornam maiores.

Diminuição da depressão
Ter o hábito de se relacionar com outras pessoas e manter amizades são fatores muito importantes para se combater a depressão, o isolamento e a baixa autoestima, principalmente nas fases de crescimento, em que as amizades são fatores decisivos para os pequenos se desenvolveram psicologicamente e se tornarem adultos mais felizes, segundo o estudo da Universidade do Maine, nos Estados Unidos.

Físico em forma
Fazer atividades em grupo é bem mais divertido, não é? Estudo da Universidade de Bristol, no Reino Unido, mostrou que, se seus melhores amigos praticam atividades físicas, as chances de você também sair do sofá são grandes. Tudo por conta da capacidade de influência das amizades.

#20 de julho # Feliz dia do amigo # Dia do Amigo

Fonte: Blog Minha Vida